Domingo, 21 de Julho de 2024
11°C 26°C
Hortolândia, SP

Levantamento mostra redução de 31% no número de óbitos de pedestres em ruas das cidades em 2024.

A principal causa dos acidentes foi a alta velocidade

03/07/2024 às 08h03
Por: maurilio fernandes
Compartilhe:
Foto: divulgação
Foto: divulgação

O número de pedestres vítimas no trânsito de Campinas diminuiu em 31% nos primeiros cinco meses de 2024, comparado ao mesmo período de 2023. Neste ano, foram contabilizados nove falecimentos, enquanto no ano anterior foram 13. Os dados foram divulgados pelo Boletim Informativo de Mortes no Trânsito da Emdec - Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas.

O número de óbitos contabilizados nas ruas da cidade, todavia, é preocupante: 35 vítimas entre janeiro e maio e um incremento de 6% em comparação ao ano anterior, no qual 33 pessoas faleceram. Apenas no mês de maio, foi registrado ocorrência de 13 mortes nas vias urbanas de Campinas.

O motivo principal das fatalidades foi a alta velocidade. Entre os 10 incidentes ocorridos em áreas urbanas, em que o fator de perigo foi investigado, 30% foram atribuídos à velocidade inapropriada ou excessiva. Em seguida, o consumo de álcool foi responsável por 20% dos casos.

Continua após a publicidade
Anúncio

O aumento dos números de mortes no trânsito vem sendo evidenciado tanto nas estatísticas de acidentes em áreas urbanas como em rodovias dentro das cidades. Até maio deste ano, foram contabilizadas 77 fatalidades, em comparação com 62 no mesmo período de 2023 - representando um acréscimo de 24%. Do total, 38 óbitos ocorreram em rodovias, sendo que em quatro casos não foi possível determinar o local exato do acidente.

Das 35 fatalidades registradas nas ruas da cidade, 17 delas (49%) foram de motociclistas, nove (26%) de pedestres, sete (20%) de ocupantes de outros veículos e duas (5%) de ciclistas.

Motociclistas

Os motociclistas ou passageiros de moto continuam sendo o principal alvo no trânsito, conforme a atual campanha de segurança viária #Desacelera. Este ano, já foram 17 fatalidades, sendo 12 somente nos primeiros cinco meses de 2023, representando um aumento de 42%.

Os passageiros de outros automóveis totalizaram sete mortes de janeiro a maio de 2024, representando um aumento de 17% em comparação com as seis mortes registradas no mesmo intervalo de 2023. Dois ciclistas faleceram durante esse período, mesma quantidade do ano anterior.

Continua após a publicidade
Anúncio

O Relatório de Mortes no Trânsito em 2023 já pode ser acessado integralmente no portal da Emdec e no link bit.ly/obitostransitomaio.

Ações educativas

Frente ao aumento nos índices, medidas adicionais estão sendo analisadas. A Emdec está dedicada a reduzir o número de acidentes de trânsito, por meio de iniciativas contínuas de melhoria da infraestrutura viária e ajustes na geometria; programas de conscientização sobre mobilidade; fiscalização intensificada; e campanhas de comunicação. Recentemente, foi divulgada a campanha de segurança viária #Desacelera – “Respeite os limites de velocidade”, cujo objetivo é conscientizar a população sobre os perigos da alta velocidade e convida a refletir sobre a pressa no trânsito.

A iniciativa contempla mais de 60 ações educativas, das quais 38 já foram concretizadas, atingindo diretamente aproximadamente 4 mil indivíduos. Diferentes formas de comunicação estão sendo espalhadas pela cidade com orientações para os habitantes de Campinas, incluindo postagens em redes sociais, cartazes físicos e digitais, vídeos e comerciais.

Operações conjuntas de fiscalização também fazem parte da campanha #Desacelera, nos pontos estratégicos das áreas com maior incidência de acidentes de trânsito. Adicionalmente, para ampliar o alcance da campanha, a Emdec está promovendo ações conjuntas com a Artesp, Detran/SP e as concessionárias responsáveis pelas rodovias.

Simultaneamente, seguem em andamento as atividades contínuas de conscientização da comunidade. De janeiro a maio de 2024, foram promovidas mais de 130 iniciativas educativas, envolvendo aproximadamente 38,5 mil indivíduos de forma direta ou indireta. Para desencorajar condutas de perigo, que podem culminar em fatalidades no tráfego, foram realizadas 56 ações coordenadas de fiscalização até maio, em colaboração com a Guarda Municipal, Polícia Civil e Militar, resultando em mais de 2,2 mil penalidades.

Para garantir a segurança no trânsito e prevenir acidentes, são realizadas constantemente ações para reforçar a sinalização viária. No período de janeiro a maio deste ano, foram instalados 92,3 mil metros quadrados de sinalização no asfalto, 2,5 mil novas placas e construídas 210 rampas de acesso para pessoas com deficiência.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Sem foto
Sobre o município
O HortoNews publica matérias das cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas). No total, cerca de 1.844.000 pessoas estão dentro de nossa área de cobertura. Confira as notícias da Região HN (HortoNews).
Ver notícias
Hortolândia, SP
18°
Tempo limpo

Mín. 11° Máx. 26°

18° Sensação
2.57km/h Vento
68% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h47 Nascer do sol
05h43 Pôr do sol
Seg 28° 14°
Ter 28° 14°
Qua 29° 14°
Qui 31° 15°
Sex 32° 16°
Atualizado às 22h03
Economia
Dólar
R$ 5,60 +0,00%
Euro
R$ 6,10 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 402,659,48 +0,69%
Ibovespa
127,616,46 pts -0.03%